Como registrar uma marca sozinho no INPI

Como registrar uma marca no INPI sozinho, sem ter que pagar uma empresa

É possível aprender como registrar uma marca sozinho. Leia este artigo e assista o vídeo no final do texto. Tem 45 minutos, mas vai te mostrar o passo a passo para fazer o pedido de registro da marca.

O registro da marca merece toda a atenção não só de quem quer ser um franqueador, mas de todo empresário. No caso das franquias é fundamental! Observe que um dos principais atrativos para quem compra uma franquia é o direito de uso da marca. Que é cedido pelo franqueador ao franqueado. Se a marca não for efetivamente sua, como poderá ceder este direito?

Para saber como criar uma franquia da sua marca veja este artigo: Como Ser um Franqueador

INPI Instituto Nacional de Propriedade Industrial

Para ser efetivamente dono da marca ela deve estar registrada em nome da sua empresa no INPI. Instituto Nacional de Propriedade Industrial.

O INPI é o único órgão que pode realizar o registro de uma marca. 

ATENÇÃO: Ter o nome da empresa registrado na Junta Comercial ou em cartório NÃO é registro da marca!

O processo de registro da marca é demorado, em média leva uns 3 anos para sair o registro. Além da demora outro ponto importante é que se duas ou mais pessoas fizerem o pedido de marcas iguais, aquela que entrou com o pedido antes tem a preferencia. Você precisa aprender logo como fazer o registro da marca para entrar com o seu pedido e ter mais chances de conseguir o direito.

CONCLUSÃO: Entre com o pedido o quanto antes!

O processo de como registrar uma marca acontece assim:

Depois que o pedido é realizado o INPI faz uma análise formal e se estiver tudo certo publica o pedido na revista RPI. Normalmente leva menos que um mês.

A partir da publicação do pedido na revista corre um prazo de 60 dias para oposição. A oposição serve para quem achar que aquele pedido não pode ser efetivado.  O motivos pode ser porque pode confundir os consumidores em relação a uma marca que já possua. Por exemplo se alguém entrar com o pedido de registro da marca NIKI na categoria tênis, provavelmente a NIKE vai se opor, concorda?

Passado o prazo para oposição (60 dias após o registro) o pedido fica aguardando o exame do mérito dos técnicos do INPI. Depois que os técnicos deferirem o pedido é aberto o prazo para que você pague o decênio.  Este pagamento lhe dará o registro da marca pelos próximos 10 anos, depois é só ir renovando.

Observe que mesmo sem oposição, no exame do mérito os técnicos podem indeferir o seu pedido. Por exemplo se no caso da NIKI tivesse passado o prazo sem nenhuma oposição, provavelmente no exame do mérito seria identificada a similaridade com a marca NIKE. E assim o pedido será indeferido.

Receber a informação que seu pedido foi DEFERIDO e saber que a marca é sua dá uma emoção, sabia?

Existem categorias de registro, o ideal é que você tenha o registro em todas as categorias em que atua. Por exemplo uma empresa de artigos esportivos que tenha roupas e óculos com a mesma marca deverá fazer dois registros. Um na classe referente a confecções e outro na classe referente a produtos óticos.

Se você é empresário e ainda não fez o pedido de registro da sua marca, ou não fez em todas as classes em que atua… deve estar se perguntando. Como que eu faço? Quanto custa?

Você pode fazer de duas maneiras, com custos bem diferentes: uma é contratar um empresa especializada em serviços de registro de marcas. Esta empresa fará tudo para você e cobrará por isto. O que é muito justo (em média observo os custos deste serviço por volta de R$1.500,00). Ou pode fazer da outra maneira que é fazer o pedido sozinho, neste caso terá apenas as taxas do INPI. A taxa para fazer o pedido de registro custa apenas 142,00*.

Se você tem bastante disposição e interesse em economizar um bom dinheiro aproveite! Estou disponibilizando gratuitamente um curso online para você aprender a como registrar uma marca!

 

 

*valor de 02/03/16, com desconto para Microempresa, MEI, Empresa de Pequeno Porte. Durante o processo podem ter outros custos.

 

70 Comentários


  1. Erlon, parabéns pelo texto e vídeo, ganhou um seguidor.

    Fiz o registro da minha marca e fizeram oposição, eu devo esperar a análise do INPI ou já realizar a defesa prévia?

    Responder

  2. Tenho uma dúvida urgente. Fiz o registro da minha marca já há 2 anos com uma empresa e hoje recebi um email avisando que havia uma pessoa tentando registrar uma marca similar a minha na mesma categoria e deveria fazer a oposição.
    Gostaria de saber se é possível fazer essa oposição sozinha, sem a ajuda dessa agência ou se preciso pagar os honorários deles para que seja feito. Como proceder nesse caso? Tenho informações de que preciso paga o valor da GRU para entrada de oposição e honorários de R$ 790,00 cada. Está correto?

    Obrigada!

    Responder

    1. Olá Gislaine, como a oposição é uma ação mais completa, se for fazer é melhor fazer com uma empresa especializada. Deve prestar atenção se este pedido realmente merece uma oposição, algumas vezes não tem quase nada a ver com o seu negócio ou com a sua marca e oferecem este serviço só para você gastar com os honorários. Boa sorte!

      Responder

  3. Emiti a GRU hoje dia 28/08 porém o vencimento é 26/09, posso pagar até o vencimento né? ai devo esperar a compensação bancária que é + ou – 2 dias e iniciar o pedido. O único risco seria se alguém registrar minha marca e pagar antes que eu, acho que eles levam em conta a data de pagamento não é isso???…

    Responder

  4. Bom dia Erlon, tudo bem?
    Emiti uma GRU em meu cadastro pessoa física.
    Mas o Registro será da pessoa jurícia. Ou seja, gostaria de ser o Procurador desse Registro.
    Como o faço? Fiz da forma correta?

    Responder

    1. Olá Rieny, para ser procurados tem que ter um cadastro no INPI. O emissor da GRU que será o titular do pedido, então se não for para você não está correto.

      Responder

  5. Boa noite Erlon!
    Fiz alguns pedidos de marcas e todos estão aguardando exame de mérito.
    Gostaria de ter uma forma mais fácil de acompanhar os meus pedidos, mas quando acesso a página do INPI no acompanhe não abre pra mim o campo que você mostra no vídeo.

    Viviani

    Responder

  6. Olá Erlon, tudo bem? Tenho uma dúvida: fiz uma requisição de uma marca, mas depois vi que não acentuei a palavra e o andamento está como ” aguardando exame de mérito”. Nesse caso, posso alterá-la? E o nome tem figura geometrica em meio às letras. Vi que há inúmeras categorias para o enquadramento , nesse caso fiquei em dúvida à mais de uma opção. Você sabe se corre o risco de indeferimento somente por essa questão?

    Responder

  7. Olá Erlon, boa tarde!
    Acabei de receber hoje um email do INPI e verifiquei que o meu pedido de registro da marca foi deferido mas não encontrei no site a opção de gerar esse boleto para pagamento da taxa final, o qual tenho 60 dias de prazo. Não encontrei em nenhum lugar informação de como fazer isso. Será que poderia me ajudar? Agradeço imensamente desde já!

    Responder

    1. Ola Sandra, desculpe a demora em responder, mas a sua pergunta caiu numa caixa de spam. Quando o pedido é deferido deve fazer o mesmo caminho para gerar a guia que fez para gerar a guia para pagar o pedido (se não lembrar é só rever o começo do vídeo) e escolher a opção primeiro decênio (tenha certeza que seu pedido foi deferido). Grande abraço, Erlon

      Responder

  8. Muito obrigada por esse vídeo muito bem explicado! Certamente irei utilizá-lo!

    Mas eu tenho umas dúvidas bem específicas, que não encontrei resposta em lugar nenhum.
    Tenho uma empresa de confeitaria por encomenda há dois anos.
    É desconhecida, mas já havia dado nome a ela, elaborei cartões, adesivos etc.

    Vou formalizar no MEI agora, e também já quero registrar a marca no INPI.
    Minhas dúvidas são as seguintes:
    1- meu pedido de registro de marca
    pode ser indeferido por ser uma empresa local desconhecida? (embora não
    haja nada atualmente em território nacional com esse nome/logo, exceto o meu.)

    2- Após meu pedido de registro aprovado, outra pessoa pode usar o
    mesmo nome da minha marca na empresa dela (marca ou nome fantasia), em
    seguimentos parecidos?
    Exemplo: eu registrar em confeitaria e a outra pessoa poder usar o mesmo nome em restaurante?

    Muito obrigada!

    Responder

    1. Olá Elza,

      Em relação a primeira pergunta ser um empresa local ou desconhecida não é um problema. O que pode acontecer é caso exista uma empresa conhecida com o mesmo nome que não fez o registro ela pode gerar uma oposição ao seu pedido.
      Em relação a pergunta 2: uma empresa poderá utilizar a marca em outra categoria.
      Espero ter ajudado.
      Sucesso!

      Responder

  9. Bom dia!

    Após o prazo de sessenta dias o pedido não consta oposição, porém, está com status Aguardando exame do mérito. Até que saia a resposta posso utilizar a marca normalmente? Outra duvida: o registro da marca Nominal me dar o direito de também utiliza-la na fachada da minha loja?

    Responder

    1. Olá Fabiana,

      Enquanto está neste status pode usar a marca lembrando que até que o pedido seja deferido, pode ser indeferido a qualquer momento pelos técnicos do INPI.
      Pode usar na fachada sim, como não tem ainda o registro, pode ser que alguma empresa que não entrou com oposição se sinta prejudicada por ter o registro de uma marca similar e entre com um pedido para vc tirar, daí terá que analisar se tira ou se vale a pena discutir juridicamente. É raro, principalmente considerando que não teve oposição, mas pode acontecer. Sucesso!

      Responder

  10. Olá Erlon!
    Primeiramente gostaria de agradecer o trabalho que você faz de compartilhar um pouco de seus conhecimentos, e de explicar com vídeos, pois me ajuda muito!
    Estou no processo de pedido de registro de marca de minha empresa, devido sua ajuda. Mas estou com medo de ser barrada devido minha empresa usar nosso sobrenome. Temos ela há 7 anos e já somos conhecidos por este nome, não gostaria de mudar. Caso meu pedido seja bloqueado, como devo proceder?

    Responder

    1. Olá Renata, obrigado pelas palavras! Se o pedido for indeferido terá que entrar com um recurso e então será necessário os serviços de um advogado especializado no assunto.

      Responder

      1. Olá Erlon! Obrigada pelo retorno. Meu pedido foi publicado hoje, porém estou com um problema, fiz o pedido de apresentação mista, usando o nome da empresa e nosso logo aparece somente as iniciais, e agora na publicação aparece somente as iniciais e não o nome da empresa. Tenho impresso meu pedido onde no campo elemento nominativo está escrito o nome da empresa, porém na publicação da revista hoje saiu somente as iniciais. 🙁 o que faço? onde posso questionar e pedir alteração?
        Desde já agradeço muito! abraço!

        Responder

        1. Erlon, acho que eu fui um pouco confusa na forma que comentei anteriormente, me desculpe, vou escrever novamente…Fiz o pedido de apresentação mista, aceitaram meu logo, e no logo da minha empresa só aparece as iniciais. Porém fiz o pedido do elemento nominativo usando o nome da empresa, e imprimi meu pedido, onde posso provar que escrevi corretamente. Porém a publicação saiu somente com as iniciais como aparece no logo.
          Agora estou pesquisando no site do INPI como fazer o pedido de correção por erro de digitação do INPI, ou você acha que seria melhor eu fazer um novo pedido, desta vez somente nominativo?
          Aceito suas sugestões (por favor :)) Grata!

          Responder

  11. Olá,
    Estou acompanhando seu tutorial e tive um problema de desatenção que foi fazer o cadastramento do GRU como advogada. Não sou advogada e gostaria de reverter meu cadastro para MEI.
    Se puder me ajudar agradeço

    Responder

    1. Olá Vivian,

      Infelizmente não conheço uma forma para fazer o ajuste no cadastro pelo site. Terá que entrar em contato com o INPI para verificar se eles conseguem alterar por lá.

      Abs

      Responder

  12. Boa tarde! Achei o artigo muito interessante e esclarecedor sobre diversos pontos. tenho uma duvida e gostaria de saber se pode esclarecer. Quando se trata de uma franquia, a marca estando no status “aguardando exame de mérito”, pode ser comercializada? Ou seja, o dono da marca (franqueadora) pode vender a sua franquia para novos investidores? Agradeço desde já.

    Responder

  13. Obrigado pelo conteudo, agora consigo ter melhores ideias para abrir minha empresa

    Responder

  14. ERLON TIPO ASSIM JA GEREI A GUIA ” GRU ” OK ??? ANTES DE EU IR NO SISTEMA DO E-MARCAS PARA FINALIZAR O PEDIDO DE REGISTRO EU PRECISO PAGAR A GUIA-GRU PRIMEIRO CORRETO ?? A PERGUNTA E A SEGUINTI :

    SE PAGUEI HOJE A GUIA ! , QUANTO TEMPO PRECISO ESPERAR PARA FINALIZAR O PEDIDO LA NO SISTEMA DO E-MARCAS ??? OUVIR DIZER QUE TEM DE ESPERAR 2 DIAS ÚTEIS PARA DAR TEMPO DA COMPENSAÇÃO BANCÁRIA ! PROCEDE ISSO ?? CASO CONTRÁRIO CORRO RISCO DE TER ” PEDIDO INEXISTENTE ???? NÃO POSSO PAGAR AGORA E DEPOIS IR EM CASA PARA FINALIZAR O PEDIDO ??? TEM DE ESPERAR 2 DIAS ÚTEIS ?????

    Responder

    1. Olá John,

      O correto é esperar mesmo, pela informação que tive o processo é automatizado, assim se quando vc faz o pedido não aparece como pago corre o risco de não ser aceito. Já aconteceu de eu pagar e já fazer o pedido, então mandei um email para o INPI informando que havia acabado de pagar e anexei o comprovante. Eles foram gentis e responderam confirmando que haviam recebido. Deu certo. Procuro sempre esperar o prazo para não ter risco. Sucesso e abraço!

      Responder

      1. CAROS AMIGOS . . . ! EXISTEM OS DE BOA FÉ ! E PARA QUEM ESTIVER LENDO ISSO . . . É UMA COISA MUITO SÉRIA ! O MELHOR MESMO É DEPOIS DE PAGAR A GUIA AGUARDAR 2 DIAS ÚTEIS E MESMO ASSIM ” ANEXAR ” O COMPROVANTE DE PAGO ! PORQUE A RAIVA DE PASSAR MAIS DE 30 DIAS ESPERANDO PARA A MARCA SER PUBLICADA E VER SEU NOME LÁ COMO : PEDIDO INEXISTENTE ! CARA TU VAI PIRAR . . . ENTÃO ESPERE 2 DIAS ÚTEIS E ANEXE O RECIBO DE PAGO ! LEMBRE-SE . . . : ” O QUE TIVER DE SER . . . SERÁ ” MUITA CALMA E CONTROLE ! DESEJO SUCESSO PARA TODOS NÓS . . .

        Responder

  15. Olá Erlon! Primeiramente parabéns pelo site, muito bem estruturado e com informações valiosas! Obrigado por compartilhar seu conhecimento conosco. Erlon tenho duas dúvidas que talvez possa sanar e também ser de interesse se outros seguidores do seu site.
    Tenho interesse em fazer o registro de uma marca mista porém ela tem cores. Li no manual de marcas um trecho interessante sobre a questão de cores, que sugere ser interessante o registro da marca sem definição de cores o que pode ajudar em relação a caducidade. == Sobre isso gostaria de saber… Com a sua experiência no registro de marcas a questão de enviar uma marca em preto e branco dificulta o deferimento do pedido da mesma? == Outra questão dúvida não menos importante e talvez a de alguns de seus seguidores… Tenho uma empresa onde sou sócio mas não majoritário no momento atual, o que pode ser mudado futuramente… então sobre isso… Eu sendo sócio minoritário dessa empresa posso entrar com o pedido de registro da marca da nossa empresa e em relação a documentos é necessário o envio de algum documento especifico que ajude no desenrolar do processo de deferimento do registro da marca?

    Novamente agradeço pelo compartilhamento de informações tão importantes.
    Um abraço e sucesso sempre!

    Responder

    1. Olá Patrick, obrigado pelo contato e pelas palavras.

      Vamos lá: nunca tive o conhecimento sobre alguma marca que teve seu pedido indeferido por estar em preto e branco. Em relação a questão da empresa o cadastro no INPI deverá ser no CNPJ da mesma e ela que será a dona da marca, pode ser que o INPI solicite documentos da empresa como o Contrato Social ou outros durante o processo se considerarem necessário.

      Espero ter ajudado.

      Abs
      Erlon

      Responder

  16. Olá Boa Noite.
    Fiz uma Busca de uma marca, pois no caso do exemplo que você deu da ADIDA, poderia fazer o pedido em outra classe, na busca que você fez apareceu NCL 9:30 e 8:30 posso registrar o Adida em outra NCL ? O que você me aconselharia. No meu caso apareceu uma empresa com registro da marca porem no seguimento de bebidas e eu que registra como produtos tipo roupas e bonés, também criaria um logo para diferenciar. Me ajuda por favor,

    Responder

    1. Olá Marcos,

      Pode fazer o pedido em outra classe. Em alguns casos pode ser considerado que está usando a notoriedade de uma marca famosa e então será indeferido. É uma analise mais profunda. Neste caso sugiro contratar os serviços de uma empresa especializada ou arriscar e fazer o pedido.

      Abs e sucesso!

      Responder

  17. Boa tarde Amigo!

    Uma dúvida:

    Estou neste momento registrando meu restaurante junto ao INPI.
    Minha ideia é futuramente vender franquias de meu restaurante a terceiros.

    Nesta linha, devo também registrar junto ao INPI, além do registro como “restaurante”, um registro como “franqueador”? (se é que existe essa classificação)

    Ou o próprio registro como “restaurante” já me deixa apto a franquear futuramente?

    Responder

    1. Olá Diego,

      Existe uma categoria relacionada a atividades de franquias, mas é mais voltada a empresas de consultoria, como a minha 🙂
      No seu caso o negócio é conseguir o registro da marca como restaurante, quando for franquear o que interessa é que tenha o direito da marca na categoria em que o franqueado atuará (neste caso restaurante).

      Abs
      Erlon

      Responder


  18. Parabéns pelo site! É muito esclarecedor e simples.
    Uma pergunta: após o “exame de mérito” ser deferido, o boleto para pagamento da taxa será enviado para o endereço cadastrado ou será disponibilizado no site do INPI?
    Antecipadamente grato,
    Helio Waizbort

    Responder

    1. Obrigado pelo comentário Helio!

      O boleto deverá ser gerado no sistema do INPI. O INPI não envia boletos pelo correio!

      Sucesso!

      Abs
      Erlon

      Responder

      1. Grato pela resposta!
        Que você continue com seu excelente trabalho!

        Responder

  19. Amigo, adorei sua matéria. Registraram minha marca e perdi o prazo de oposição. O que devo fazer agora? Entro com a oposição mesmo assim? Abraços

    Responder

  20. olá! entrei com pedido de registro da marca sozinha em 09/2013, e hoje estamos em 01/2017, e até agora nada, só consta: “Aguardando exame de mérito”.

    Responder

    1. Olá Drusila,

      Infelizmente este é o padrão, a minha primeira marca demorou 4 anos e meio para passar de “aguardando exame de mérito” para “pedido deferido”. O lado bom do seu pedido é que não teve oposição. Quando sair o resultado compartilhe com a gente para sabermos quanto tempo demorou. Boa sorte!

      Responder


  21. Olá amigo Erlon,

    Obrigado por compartilhar seu conhecimento sobre o registro de marcas, este ano realizamos um registro de nossa marca e consultando o processo aparece uma outra empresa como opositora, porem eles trabalham no ramo de confecções e eu trabalho com Perfumes e cosméticos. Recebemos um comunicado informando para deixar de usar tudo e qualquer meio de divulgação com o nome em questão, sob pena de processo judicial. Neste caso como Proceder?
    Desde já agradeço a atenção.

    Responder

    1. Olá Guilherme,

      Neste caso é adequado contratar o serviço de uma empresa de registro de marcas. Existe uma complexidade que é deve ser analisada por advogado especialista no assunto. Cada caso é um caso.

      Desejo sucesso!

      Abs
      Erlon

      Responder

  22. Ola tudo bem?
    Bom a dois meses montei uma empresa no ramo de aluguel de mine containers e pretendo fazer a minha empresa virar uma franquia. Para tanto tenho três duvidadas:
    1ª O que compensa mais na questão tributaria mudar de MEI para franquia ou criar outra empresa ara isto?
    2ª Se eu entrar com o pedido de marca agora, daqui 6 meses poso montar a minha franquiadora ou tenho que esterar o deferimento do pedido de marca?
    3ª Em media para abrir uma micro franquia quanto custa?
    E parabéns pelos artigos estão bem explicativos!

    Responder

    1. Olá Leonardo,

      1º – O ideal é criar outra empresa que será exclusivamente a FRANQUEADORA.
      2º – Não precisa esperar o deferimento da marca para montar a franqueadora, porém tem que ficar claro na COF que ainda não tem o registro, e tem que estar ciente que se a marca não for deferida toda a sua rede terá que mudar a marca.
      3º – A consultoria para formatar uma microfranquia custa em média entre R$25.000,00 e R$50.000,00 se realizada por uma empresa séria. Estou desenvolvendo um método para diminuir bastante este valor. Devo lançá-lo no primeiro semestre de 2017. Continue acompanhando para saber das novidades.

      Obrigado pelas palavras, desejo sucesso para o seu negócio!

      Abs
      Erlon

      Responder

      1. Boa tarde!
        Bom muito obrigado pelas respostas e parabéns pelo seu trabalho. O senhor esta me ajudando muito na tomada de decisões. Bom ainda tenho doas pergunta pertinente:
        1ª Tenho uma empresa jovem e já estou pensando em tornar ela uma franquiara! Em tão. Em media a algum tempo minimo pada abrir o negocio e franquiá-lo ou o tempo de empresa é irrelevante para torná-lo uma franquiadora?
        2ª Visto que não é necessário que tenhamos que esperar o resultado do pedido de registro de marca. A alguma garantia legal que eu possa mostrar como prova para um potencial cliente que por mais que o pedido seja negado o cliente não sera prejudicado?

        Responder

        1. Olá Leonardo, que bom que estou ajudando 🙂

          Vamos lá:
          1º: Como a franquia é uma replicação de um negócio que já deu certo, o ideal é franquear após dois anos, assim a empresa já tem maturidade e você terá números para demonstrar que o negócio já deu certo. Existem alguns negócios em que não se pode perder o “time” e assim começam a franquear antes disso, o que não é proibido, mas deve ter a consciência que o risco é maior.
          2º: O que pode ser feito neste caso é a franqueadora se comprometer a trocar toda a comunicação visual do franqueado pela nova marca. Neste caso precisa avaliar se vale a pena e tem condições de assumir este risco.

          Sucesso!

          Responder

  23. Caro Erlon,

    Estou iniciando a montagem de uma empresa que acredito que tenha potencial para ser franqueado.
    Dei entrada recentemente, através de um escritório de contabilidade, na abertura da empresa, mas ainda não tenho o CNPJ da mesma.
    Diante disso, te pergunto se posso dar entrada no registro da Marca dessa minha empresa como pessoa física, ou se seria melhor esperar o CNPJ sair para dar entrada no pedido de registro como pessoa jurídica?

    Responder

    1. Olá Maurilio,

      Atualmente o CNPJ tem saído rápido, se consultar seu contador a previsão for de sair logo mesmo vale a pena esperar. Caso vá demorar, para não arriscar que outra pessoa/empresa entre com o pedido antes que você pode entrar como pessoa física, neste caso terá um trabalho e um custo a mais no futuro quando for transferir para a pessoa juridica.

      Abs

      Responder

  24. Erlon,

    Agradeço seu post.

    Tenho uma dúvida. Fiz o Pedido de Registro de Marca, ocorreu tudo bem no registro e na oposição. Foi para exame de mérito, mas alguém fez uma oposição fora do prazo de “oposição”. Será que terei que defender a minha marca, mesmo a pessoa (empresa) tendo feito fora do prazo de oposição?

    Agradeço!

    Responder

    1. Ah, em nenhum site, revista e principalmente no INPI não encontrei algo parecido. Ou seja, tomei cuidado, desenvolvi o logotipo misto, conforme a missão e os valores da minha futura empresa.

      Responder

    2. Olá Roger, quando acontece a oposição precisa ter uma analise mais jurídica. Não consigo te responder o que acontece neste caso. Desejo que tenha sucesso com a sua marca.

      Responder

  25. Adorei o texto, muito esclarecedor! Além da taxa do pedido de depósito de marca, você sabe se enquanto está constando no sistema a mensagem “aguardando exame de mérito” eu tenho que pagar mais alguma coisa? Obrigada!

    Responder

    1. Olá Nicole, que bom que gostou do texto:)

      Enquanto está “aguardando exame do mérito” não tem que pagar mais nada, somente após o exame, se for deferido deverá pagar o valor do decênio que dará direito sobre a marca por 10 anos. Deve receber boletos, mas não precisa pagar, explico melhor neste vídeo monitoramento da marca

      Abs

      Responder

  26. Você acredita que se a marca for um sobrenome estrangeiro, como no meu caso, uso meu sobrenome, será necessário marcar no campo estrangeiro e explicar?

    Responder

    1. Olá Renata, deve fazer isto sim. Não é garantia que será concedido o registro, pois existem alguns incisos na lei que discutem a questão de registro de nomes próprios, mas fazendo isto estará avisando os técnicos do INPI sobre isto, o que é adequado. Boa sorte!

      Responder

  27. Oi Erlon,
    Adorei o post,
    Muito obrigada!
    Eu dei entrada no pedido de registro da minha marca e já está no exame de mérito, mas como fiz tudo sozinha não sabia da possibilidade de registrar uma mesma marcar em diversas categorias e acabei registrando em somente uma.
    Você sabe me dizer se depois posso acrescentar novas categorias? Ou qual seria a melhor solução no meu caso?
    Obrigada!

    Responder

    1. Olá Luiza,

      Para cada categoria tem que fazer um novo pedido, então você fez certo. Agora pode entrar com pedidos em outras categorias, lembrando que devem ser categorias realmente relacionadas aos seus negócios.

      Que bom que gostou do post 🙂

      Sucesso!

      Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *